,1-- -->

Moto G8 e G8 Power ampliam família que já vendeu 100 milhões de unidades

Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

Receba os artigos diretamente no seu email



Tem mais Motorola chegando às lojas brasileiras. Março já é costume chegar novos aparelhos da linha Moto G, e em 2020 não foi diferente: a companhia inicia hoje (05) as vendas do Moto G8 e do Moto G8 Power, que se unem aos já lançados G8 Play e G8 Plus para complementar a oitava geração da linha.

Antes de falar sobre os dispositivos, a Motorola celebrou a marca de 100 milhões de unidades de Moto G vendidas desde que o primeiro modelo chegou às lojas, em 2013. E nada menos que 40% desses dispositivos foram comprados pelos brasileiros, disparado o país que mais consome a linha.

Para esse número continuar a crescer, chegou a vez do Moto G8 e G8 Power, que não seguem quase nada dos seus antecessores. Em primeiro lugar, o modelo com mais bateria passa a ser tratado como uma variante Premium da série, ficando acima do Moto G8. Este se torna uma opção mais básica, para quem quer toda a potência da linha, boas câmeras e bateria decente a um preço mais baixo.

Moto G8 chega às lojas brasileiras (Créditos: Canaltech)

Design renovado

Os modelos possuem aspecto semelhante aos produtos anunciados no ano passado, com um conjunto de câmeras traseiro cheio de sensores alinhados na vertical na parte superior esquerda. O acabamento plástico possui efeitos que deixam a traseira com aparência única.

Na parte da frente, uma diferença para os Moto G8 Play e Moto G8 Plus: o recorte em gota centralizado foi substituído por um pequeno furo no canto superior esquerdo para a câmera frontal. A tela IPS LCD tem 6,4 polegadas nos dois modelos, que de frente são bastante parecidos.

Confira o nosso vídeo hands-on do Moto G8:

Hardware poderoso

Ambos também trazem a plataforma Snapdragon 665, a mesma do G8 Plus, que tem um processador de oito núcleos e roda qualquer aplicativo e quase todos os jogos disponíveis na Google Play Store sem nenhum engasgo. Ambos ainda oferecem 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento, expansíveis com...

cartão micro SD.

Além disso, os dois dispositivos rodam o Android 10 com algumas funcionalidades novas da Motorola. Uma delas é a Gametime, que garante ao usuário foco total nos jogos, sem notificações para atrapalhar. Além disso, os gestos de abrir câmera, ligar lanterna e outros seguem disponíveis. E, para simplificar, a Motorola passa a usar os gestos de navegação do Google, em vez da barra que tem nos modelos anteriores da marca.

E aparecem as diferenças

Porém, claro, Moto G8 e G8 Power não são idênticos. O modelo que tem como foco a duração da bateria traz carga de 5.000 mAh, com carregador Turbo Power de 15W na caixa. O adaptador de parede do G8 é de apenas 10W, para uma bateria de 4.000 mAh.

O conjunto de câmeras também é diferente. O G8 Power tem quatro sensores na parte traseira, sendo o principal de 16 MP com tecnologia Quad Pixel, mais um ultra-wide, um macro e uma teleobjetiva que aproxima em 2x. O G8 traz três câmeras, que são praticamente as mesmas, sem a opção com zoom. Completa a fila de sensores um foco a laser no modelo mais barato.

Moto G8 Power tem uma bateria maior, sem perder a elegância (Créditos: Canaltech) 

E o G Stylus?

Questionamos a Motorola sobre a possibilidade de o G Stylus ser disponibilizado no Brasil. Thiago Masuchette, gerente de produtos da companhia, disse que não há intenção de lançar o modelo por aqui no momento, uma vez que suas pesquisas mostraram que, apesar da caneta ser um recurso considerado interessante pelo usuário, o brasileiro não mostrou intenção de pagar um valor diferente pelo produto com tal função.

Preço e disponibilidade

Tanto o Moto G8 quanto o G8 Power já estão disponíveis a partir desta quinta-feira (05). O modelo mais barato chega nas cores azul capri e branco prisma, com preço sugerido de R$ 1.299. Já a versão com mais bateria pode ser comprado nas versões preto titanium e azul atlântico no valor sugerido de R$ 1.599.

E aí, o que você achou dos novos integrantes da linha Moto G8?





Fonte